POR QUE O CÂNCER DE MARCELO REZE…

Steve Jobs, Patrick Swayz…

Neide Sofia dispensa convites pa…

Neide Sofia declinou um c…

Fundos do show dos dez anos de c…

C4 Pedro, um dos mais inf…

Dj Dias Rodrigues junta artistas…

O Dj Dias Rodrigues vai j…

Os Dream Boys vão sair da Bom So…

Os membros do grupo music…

Novo projeto social leva Neide a…

A cantora e bailarina Nei…

Onde está o coração de Matias Da…

«Onde está o teu coração …

Pedro é o destaque no festival d…

O músico angolano C4Pedro…

Força Suprema: “Se fosse para vo…

Conquistando o público an…

NANDINHO SEMEDO ESTREIA NOVO VID…

O músico internacional Na…

«
»
SIGA-NÓSTwitterFacebook

WhatsApp: Há uma nova ameaça

Ainda recentemente noticiámos que existe um esquema fraudulento a circular e que consiste em receber uma mensagem pelo WhatsApp na qual é notificado para realizar um pagamento, caso contrário deixará de poder utilizar a aplicação.
No mundo da internet e das aplicações são quase tantos os perigos como as vantagens, por isso, é preciso estar sempre atento e não acreditar em tudo o que se vê.

Exemplo de um desses perigos é o novo esquema fraudulento que está a afetar, pelo menos, um milhão de utilizadores do WhatsApp no Brasil.

O alerta é feito, em exclusivo, pela empresa de segurança Psafe ao site especializado TechTudo. Segundo os especialistas em causa está a promessa de poder mudar a cor da aplicação. Quem acreditar nesta possibilidade e quiser mesmo colocar o tradicional verde de parte é levado a clicar num link que transportará o utilizador para uma página simples onde se lê que a mudança está disponível para Android, iOS, Windows Phone e BlackBerry e que basta clicar no botão ‘Ativar Agora’ para dar início à mudança.

Depois de carregar no referido botão, explica o Tech Tudo, o utilizador tem de partilhar um link com 10 amigos ou cinco grupos na app. Concluído este processo, surgirá uma página onde se lê ‘Ativar novas cores’ e será pedido à vítima que abra um novo link, desta vez no computador através do WhatsApp Web.
Porém, a mudança de cores da app realmente não existe, o que leva o utilizador a instalar terceiras aplicações que podem, ou não, conter vírus.

Independentemente de ter ou não conteúdo malicioso, a verdade é que por cada app instalada na sequência de todo este processo, o hacker recebe uma generosa quantia em dinheiro pelo seu trabalho.
Esta ameaça já afetou um milhão de brasileiros, conta o TechTudo, não havendo, para já, informação de que a ameaça esteja disponível em Portugal.
No entanto, como vale mais prevenir do que remediar, fica já dada a dica.

Noticias

Musica

Eventos

Reporter Famastar

SOBRE NÓS